Detalhes

Bíblia, Escola Sabatina
3 anos atrás

Faça o download de todos os esboços da escola sabatina deste trimestre : http://downloads.adventistas.org/pt/kits/esboco-i-trimestre-de-2014/

Motivação:
Carlos era um jovem que sonhava com ser missionário além do mar. Tinha dois anos de batizado e o seu fervor missionário ardia em seu coração. Ele dizia que sua grande realização seria dedicar um ano de sua vida a Deus. Mas em quanto esse dia não chegava sua vida transcorria normalmente. Ate que um dia, na universidade onde estudava, um professor ateu, desafio a fé dos seus alunos, e ele sentiu-se incomodado. Em sua aula não havia nem um crente. Assim decidiu compartilhar sua fé, teve muitos problemas, mais no final venho a recompensa, 16 colegas foram batizados. Posterior mente foi a estudar teologia e hoje é um pastor longe de sua terra, ele diz o seguinte: Todo lugar onde há pessoas é um campo missionário. O melhor sermão não é pregado no púlpito da igreja cada sábado, é onde estamos que pregamos e testemunhamos.

Foco: Reconhecer que o reino de Deus não é limitado por fronteiras étnicas nem geográficas.
Compreensão:
I. O amor de Deus não tem fronteiras
Pergunta 1. Porque Deus escolhe um povo?
Deus confirmou o seu propósito com Isaque. “Na tua descendência serão abençoadas todas as nações da terra” O propósito ao chamar um povo era abençoar todas as demais nações.
Israel devia ser a luz das nações.
Pergunta 2 Qual é o privilegio e responsabilidade dos que conhecem a verdade?
Jesus diz que no dia de juízo haverá menos rigor para com Sodoma, Tiro e Sidón, que Corazim, Betzaida e Cafarnaum onde fez muitos milagres e não se arrependeram, não fizeram a vontade de Deus.

II. A grande comissão.
Pergunta 3, Em que consistiu a grande comissão?
As palavras de Cristo confirmaram que Sua morte seria em favor de todo o mundo. Não havia mais gregos nem judeus, nem samaritanos.
A parábola do bom Samaritano nos serve para reconhecer que não ha mais barreiras.
As ultimas palavras são as mais importantes: Quais foram essas palavras e que significado tem hoje:
Mateus 28:18-20 “Ide, por tanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; …”
Nação: se refere a grupos que vivem em determinadas regiões geográficas, tais como países, estados, cidades ou bairros. Ex.: Brasil, Alemanha, Pará, Belém, Marco.
Tribo: se refere a grupos menores dentro das nações, tais como: famílias, classes sociais, faixas etárias, e alguns seguimentos religiosos. Ex.: Famílias Oliveira, Fonseca, ricos, pobres, idosos, adolescentes, mulçumanos, judeus
Língua: são os dialetos respectivos de cada nação. Ex. português, francês, chinês, etc.
Povo: se refere a grupos que são formados dentro das nações ou tribos, com base na decisão pessoal da pessoa em resposta ao convite que lhe foi feito, tendo um pré-conhecimento do propósito do grupo ao qual vai pertencer, tais como: partidos políticos, denominações religiosas, movimentos, associações, etc. Ex.: PT, Assembleia de Deus, Batistas, Ateus, Hippes, Associação dos Músicos, etc.
Aplicação: Como isso se aplica a nos hoje.

  •  Há tribos urbanas as que temos que chegar, há estrangeiros, membros de outras religiões, pós-modernos, ateus, ate os próprios vizinhos. Criatividade Deus nos há chamado para cumprir uma missão. Não precisas viajar a coreia do Norte ou algum outro pais, Deus tem um campo missionaria perto de ti. Ali em teu bairro há pessoas que nunca ouviram a mensagem de salvação. O propósito do verdadeiro cristão é fazer o bem, não apenas aos da própria família e amigos, mas a todos os que entram em sua esfera de influência. Muitas formas de utilidade estão abertas à pessoa que realmente se dispõe a trabalhar pela salvação de outras.