Detalhes

Bíblia, Escola Sabatina
3 anos atrás

Download desse vídeo: http://downloads.adventistas.org/pt/kits/esboco-iv-trimestre-2013/

Motivação: Meu amigo convidou vários amigos para o seu casamento, entre eles um homem muito rico. Esse amigo rico enviou uma nota de agradecimento pelo convite e lhe perguntou o que gostaria receber de presente. O meu amigo respondeu sinceramente que o melhor presente seria sua presença. Quando chegou o dia do casamento ele recebeu as chaves de um carro novo. Não por que merecesse, mas porque o amigo assim o quis.

Foco: Compreender Suas decisões, a fim de que sejamos capazes de ver o Seu caráter e saber que Ele é o Deus do amor e da justiça.
Compreensão:
I. A primeira revolta no santuário celestial. Isaías 14:12-15
Pergunta 1: Como aconteceu essa rebelião no santuário celestial? E como se estendeu à terra.
Depois de descrever o incomparável esplendor do querubim, o texto passa a
falar de sua queda moral. Sua glória “subiu para a cabeça”.

O mistério da iniquidade
Depois de cair do Céu, Satanás tentou distorcer e difamar o caráter de Deus.
Ele fez isso no Éden (Gn 3:1-5). A queda de Adão e Eva colocou Satanás temporariamente no trono do mundo.
Acusações:

II. Deus é justo ao justificar pecadores? Jó 1:8-11; Rm 3:26
Pergunta 2: Deus é justo e reto em Seus procedimentos?
O caráter de Deus está em julgamento. Deus é justo quando salva os pecadores?
Deus é reto quando declara justo o injusto? Se Ele é justo, deve punir os injustos;
mas se é misericordioso, deve perdoá-los. Como Deus pode ser as duas coisas?

III. A grande motivação do serviço. Jó 1:9; Jó 2:3
Pergunta 2: Por quais motivos os cristãos servem a Deus?
“Porventura teme Jó a Deus debalde?”
A pergunta de Satanás pode ser expressa assim: “Será que Jó serve a Deus sem interesse? O termo hebraico para essa expressão, chinnam, pode também ser traduzido como “grátis”, “sem razão”, “por nada”, “espontaneamente”, “sem nenhum propósito”, “em vão” e “sem causa”. É por medo e para escapar da punição e morte? É pela recompensa da vida eterna e muitas outras bênçãos? Ou nós obedecemos por gratidão, porque O amamos por causa de Sua pessoa, pelo que Ele é?
Aplicação: Em quem confiamos e a quem obedecemos?
Expressões como: “Ainda que Ele me mate, nEle esperarei” (Jó 13:15).

“Eu sei que o meu Redentor vive, e que por fim Se levantará sobre a Terra. E depois de consumida a minha pele, ainda em minha carne verei a Deus. Vê-Lo-ei por mim mesmo, e os meus olhos, e não outros, O verão” Jó 19:25-27, RC
Davi pediu: “Ensina-me a fazer a Tua vontade, pois Tu és o meu Deus; guie-me o Teu bom Espírito por terreno plano.” (Sl 143:10)
O que Deus ordena a Seu povo, Ele sempre o ajuda a cumprir. O que Ele requer, Ele provê. A obediência é um dom de Deus.
Criatividade: Qual é o produto desta lição, o que podemos fazer como resultado desta lição. Cada dia Ele se aproxima de você, para cativar-lhe o coração. Como respondemos a esse apelo. Que nunca falte em sua vida, a cada dia, o momento de oração e estudo da Bíblia. Esse momento é muito significativo porque o coloca de um lado ou do outro no grande conflito. Não é apenas uma prática cristã, é mais que isso. É o encontro da criatura com o Seu Criador. Então o seu serviço será prazeroso. Que Deus o abençoe.