Detalhes

Bíblia, Missão Global
3 anos atrás

Libras da lição 12 do I trimestre de 2014.

VERSO PARA MEMORIZAR: “Nisto é glorificado Meu Pai, em que deis muito fruto; e assim vos tornareis Meus discípulos” (Jo 15:8)

Leituras da semana : Jo 1:40-46; 4:28-30; Lc 24:4-53; At 1:6-8; Mt 9:36-38; Lc 15

Em muitos aspectos o estudo desta semana é a continuação da lição anterior.

Cristo estabeleceu líderes espirituais com a finalidade específica de proclamar o reino de Deus. Os princípios e a metodologia que Jesus empregou devem permanecer como base espiritual para a preparação dos cristãos modernos.

Em outras palavras, as modernas teorias de liderança nunca devem substituir o fundamento que Cristo estabeleceu. Sempre que a publicidade e a propaganda tiverem precedência sobre o crescimento espiritual, os resultados serão superficialidade e esterilidade espirituais. Sempre que o proselitismo toma o lugar do arrependimento, da conversão e da transformação espiritual, a missão fracassa.

Treinar líderes para conduzir projetos evangelísticos, campanhas de mídia e atividades de relações públicas, em lugar de prepará-los para o conflito espiritual, é procurar o desastre. O verdadeiro evangelismo e a formação de discípulos focalizam quatro aspectos: (1) Reconhecimento de nossa condição pecaminosa;

(2) contrição sincera; (3) entrega espiritual sem reservas; (4) incontrolável compulsão
para difundir a mensagem divina.