Adicionado por em 2015-09-07

VERSO PARA MEMORIZAR: “Eis aqui o Meu Servo, que escolhi, o Meu amado, em quem a Minha alma Se compraz. Farei repousar sobre Ele o Meu Espírito, e Ele anunciará juízo aos gentios” (Mt 12:18).

Leituras da semana: Jo 4:4-30; Mt 8:5-13; Mc 5:1-20; Mt 15:21-28; Lc 17:11-19; Jo 12:20-32

É interessante que Jesus tenha passado tanto tempo de Seus primeiros anos na Galileia, que era conhecida como a Galileia dos gentios (Mt 4:15), sem dúvida devido à influência não judaica na província. Nessa região, em Nazaré, Jesus passou a maior parte dos anos que precederam Seu ministério. Graças à sua localização,
Nazaré ficava próxima às principais rotas usadas pelas unidades do exército romano, bem como pelas caravanas de mercadores. Consequentemente, Jesus deve ter tido contato com não judeus durante os primeiros anos de Sua vida (sem mencionar o tempo que Ele passou no Egito).

Depois de ter sido rejeitado em Nazaré (Lc 4:16-31), Jesus centralizou Seu ministério em Cafarnaum, cidade galileia cosmopolita. Esses contatos com os gentios e com seu mundo impactaram significativamente Seu ministério e ensino. Embora
Ele Se concentrasse em Israel, Sua preocupação era o mundo.

Durante os mais de três anos de Seu ministério, entre o batismo e a ascensão, em pelo menos seis ocasiões Jesus teve contato direto com pessoas de outras nações. Nesta semana, examinaremos esses contatos nos relatos dos evangelhos.

Desenvolva o hábito de realizar o culto diário em seu lar.

Ajude sua família a viver uma maravilhosa experiência com Deus!