Adicionado por em 2015-09-07

VERSO PARA MEMORIZAR: “O Senhor lhe disse: Vai, porque este é para Mim um instrumento escolhido para levar o Meu nome perante os gentios e reis, bem como perante os filhos de Israel; pois Eu lhe mostrarei quanto lhe importa sofrer pelo Meu nome” (At 9:15, 16).

Leituras da semana: At 9:1; Fp 3:6; 1Co 15:10; At 9:1-22; 26:18; Gl 2:1-17

Uma das figuras principais do Novo Testamento é Paulo, originalmente Saulo de Tarso. Paulo foi para a igreja cristã primitiva o que Moisés foi para os filhos de Israel. A diferença é que, Moisés tirou o povo de Deus do meio dos gentios para que Israel pudesse cumprir a vontade de Deus; Paulo levou a Palavra do Deus de Israel aos gentios, para que eles pudessem fazer a mesma coisa, isto é, cumprir a vontade de Deus.

Sabe-se mais sobre Paulo do que qualquer outro cristão do primeiro século. Ele é especialmente lembrado pelas significativas contribuições que deu para a tremenda obra missionária cristã nos últimos dois milênios. Suas visitas às nações que rodeavam o Mar Mediterrâneo e suas atividades missionárias em favor delas constituíram um poderoso exemplo para as missões cristãs nas gerações futuras.

Atribui-se a Paulo a obra de elevar os absolutos bíblicos acima da cultura judaica.

Nesta, as leis civis, rituais e morais estavam integradas na estrutura da vida israelita.

Assim, era difícil fazer separação entre os costumes dos judeus e aquilo que eles achavam ser a mensagem eterna de Deus para todas as nações.

Nesta semana, faremos nosso primeiro estudo sobre alguém que, com exceção do próprio Jesus, foi a figura mais importante do Novo Testamento.

Escolha um amigo e ajude-o a se dedicar mais ao estudo da Lição da Escola Sabatina. Incentive alguém a fazer a assinatura da lição em sua igreja.