Adicionado por em 2015-06-26

https://youtu.be/LaoQ6JDYi_0?rel=0

VERSO PARA MEMORIZAR: “Vejam, Eu O fiz uma testemunha aos povos, um líder e governante dos povos” (Is 55:4, NVI).

Leituras da semana: Gn 1:26-28; 2:15-17; 1Jo 2:16; Jo 3:14, 15; 2Co 5:21; Mt 5:13, 14

Nosso mundo está uma confusão e, como seres humanos, somos o grande motivo para essa confusão. Isso ocorre porque somos pecadores, criaturas caídas cuja natureza, em sua essência, é má. Por mais que gostemos de pensar que estamos avançando e  melhorando, a história do século passado não é nada animadora.
Ainda não chegamos ao fim do primeiro quarto deste século, e as coisas também não parecem muito favoráveis neste momento. Se o passado é o precursor do futuro, tudo o que podemos esperar, para citar as palavras de Winston Churchill, antigo político britânico, é “sangue, labuta, lágrimas e suor”.

No entanto, nem tudo está perdido. Ao contrário, Jesus Cristo morreu pelos nossos pecados e, por meio de Sua morte, temos a promessa de salvação, restauração e renovação de todas as coisas. “Vi novo céu e nova Terra, pois o primeiro céu e a primeira Terra passaram, e o mar já não existe” (Ap 21:1).

Não fomos deixados sozinhos, abandonados na expansão infinita de um Universo frio e aparentemente indiferente, para nos arranjarmos como pudéssemos.

Jamais conseguiríamos fazer isso; as forças arregimentadas contra nós são muito superiores. É por isso que, antes do início do mundo, Deus formulou o plano da salvação, a fim de fazer por nós o que jamais poderíamos fazer por nós mesmos.

Sua igreja está preparada para a semana de oração jovem, a ser realizada no mês de julho? Ore por uma pessoa e convide-a para que participe.